Tromboembolismo pulmonar séptico secundário à infecção de pele por staphylococcus

Septic pulmonary thromboembolism secondary to staphylococcus skin infection

Authors

  • Marília Oliveira Monteiro
  • Sarah Queiroz Valle
  • Luciana Lopes Albuquerque da Nóbrega
  • Ramylla Costa de Oliveira

Keywords:

Tromboembolismo; infecção, Staphylococcus; TEP; TEV, / Tromboembolismo; infecção, Staphylococcus; TEP; TEV

Abstract

O Staphylococcus aureus é uma bactéria do grupo dos cocos gram positivos que faz parte da microbiota humana, mas que pode provocar doenças que vão desde uma infecção simples até as mais graves, como meningite, pneumonia, síndrome do choque tóxico, septicemia, endocardite, entre outras. Essa bactéria possui uma enorme capacidade de adaptação e resistência e tornou-se uma das espécies de maior importância no quadro das infecções hospitalares e comunitárias. Neste relato de caso descreveremos uma criança previamente hígida, que após uma infecção de pele por este microrganismo, evoluiu com tromboembolismo pulmonar secundário à infecção e discutiremos sobre a repercussão clínica ocasionada por esse patógeno bem como a evolução clínica da paciente descrita.

 

Staphylococcus aureus is a gram-positive coccus bacterium that is part of the human microbiota, but can cause diseases ranging from a simple infection to more serious ones, such as meningitis, pneumonia, toxic shock syndrome, septicemia, and endocarditis, among others. This bacterium has an enormous capacity for adaptation and resistance, and has become one of the most important species in hospital and community infections. In this case report we describe a previously healthy child who, after a skin infection by this microorganism, evolved with pulmonary thromboembolism secondary to the infection, and discuss the clinical repercussions caused by this pathogen as well as the clinical evolution of the patient described.

Published

2021-12-06