Síndrome de Castleman: principais achados ultrassonográficos

Castleman syndrome: main sonographic findings

Authors

  • Raissa Lobo Ladeira
  • Ewerton Ribeiro Maciel
  • Darlyane Paula Vieira Flister
  • Tiago Ribeiro Ferreira
  • Cecília de Almeida Ruas Bitencourt
  • Giovanni Silva Martins

DOI:

https://doi.org/10.54022/shsv3n2-042

Keywords:

Doença de Castleman, tumor de Castleman, transtornos linfoproliferativos, linfadenopatia, radiologia, diagnóstico por imagem, ultrassonografia com doppler de vasos

Abstract

A Doença de Castleman (DC) é uma desordem rara, também conhecida como hiperplasia linfonodal angiofolicular e hiperplasia linfonodal gigante, de curso clínico geralmente benigno ¹ . É a doença linfoproliferativa benigna que mais freqüentemente envolve os linfonodos mediastinais e pode se apresentar na cabeça e no pescoço como uma adenopatia cervical de etiologia desconhecida. Ela parece estar relacionada a múltiplas causas, incluindo o Herpes Vírus Humano – 8 (HHV-8) e o pênfigo paraneoplásico 2,3. A DC foi descrita pela primeira vez em 1956 por CASTLEMAN et al, como uma hiperplasia linfonodal mediastinal localizada simulando um timoma.

Published

2022-06-07