Tradições confessionais chinesas – análise introdutória

Chinese confessional traditions – introductory analysis

Authors

  • Adelcio Machado dos Santos

DOI:

https://doi.org/10.54022/shsv3n2-040

Keywords:

religiões, China, fundadores

Abstract

Busca-se apoio nos textos de Armond (1999) para apresentar, à guisa de iniciação, as tradições confessionais chinesas. De acordo com o autor, a antiguidade da civilização chinesa vai além de 10 mil anos. O fundamento de sua religião nacional está nas obras de três sábios: Fo-hi, Lao-tsé e Kongtzeu (Confúcio), que viveram em épocas muito recuadas da história: o primeiro, como imperador, a partir de 3468 a.C.; o segundo 604 a.C. e o último 478 a.C. Mais tarde, com a introdução do Budismo, três passaram a ser as religiões da China: o Confucionismo, o Taoísmo e o Budismo (ARMOND, 1999).

Published

2022-06-07