O papel da insulina e leptina como fatores de risco para o desenvolvimento e progressão da obesidade

Leptin and insulin roles as risk factor for obesity onset and development

Authors

  • Ricardo Rodrigues Bacchi
  • Luiz Fernando de Rezende
  • Camila Magalhães Brant
  • Luciana Mendes Oliveira
  • Marco Túllio Brazão Silva

DOI:

https://doi.org/10.54022/shsv3n2-011

Keywords:

leptina, tecido adiposo branco, insulina

Abstract

O presente estudo objetiva verificar a relação entre a produção de leptina, obesidade e insulina. Estudos prospectivos demonstram que a obesidade está aumentando na população mundial, sendo considerada uma doença multifatorial, que possui como um dos fatores envolvidos em sua gênese a produção de leptina, um hormônio peptídico produzido e secretado principalmente pelo tecido adiposo unilocular ou branco, que exerce função endócrina, se ligando a receptores hipotalâmicos específicos no cérebro, através da via JAK/STAT de transdução do sinal intracelular no sistema nervoso simpático, o que promove o controle da ingestão alimentar e favorece a saciedade. Porém, estudos evidenciam que a maior parte das pessoas com obesidade têm níveis séricos de leptina aumentados, proporcionais à massa de tecido adiposo, o que leva a uma produção exacerbada desse hormônio, sendo uma condição desfavorável para a homeostase da insulina e fator de risco para o aparecimento do Diabetes Mellitus tipo 2.

Published

2022-04-08