Procedimento de segurança para manuseio de nanomateriais em laboratórios

Safety procedure for handling nanomaterials in laboratories

Authors

  • Samuel Jônatas de Castro Lopes

DOI:

https://doi.org/10.54018/seesv1n1-001

Keywords:

nanotecnologia, procedimento de segurança, laboratório, /, nanotechnology, security procedure, laboratory

Abstract

Introdução: a nanotecnologia vem propiciando uma revolução tecnológica na engenharia mundial. Dentre os nanomateriais mais utilizados, os nanotubos de carbono (NTC) se destacam por suas diversas propriedades excelentes e específicas. Entretanto, as implicações a saúde de usuários que manipulam os nanotubos de carbono estão longe de serem compreendidas e cercadas de incertezas. Métodos: estudo exploratório-descritivo, baseado em uma breve contextualização acerca dos nanotubos de carbono e da nanotoxicologia, em busca de compreender as principais características morfológicas deste material, e os principais danos causados à saúde dos trabalhadores. Objetivo: propor um procedimento de segurança para manuseio de nanomateriais em laboratórios. Resultados: os laboratórios que manipulam esse tipo de tecnologia devem ser dotados de instalações específicas e possuir procedimentos operacionais que busquem controlar a exposição e a contaminação aerotransportada. Conclusão: a compatibilização da cadeia comercial e a segurança do trabalho devem ser consideradas para nanomateriais, ou seja, o diálogo entre fabricante, fornecedor, usuário final e profissionais de saúde e segurança do trabalho (SST) é de suma importância para o desenvolvimento da nanotecnologia segura.

 

Introduction: nanotechnology has led to a technological revolution in world engineering. Among the most used nanomaterials, carbon nanotubes (CNT) stand out for their excellent and specific properties. However, the health impacts of users who manipulate carbon nanotubes are far from being understood and surrounded by uncertainties. Methods: exploratory-descriptive study based on a brief contextualization about carbon nanotubes and nanotoxicology, in an attempt to understand the main morphological characteristics of this material, and the main damages caused to workers' health. Objective: a safety procedure for handling nanomaterials in laboratories was proposed. Results: Laboratories that handle this type of technology must be equipped with specific facilities and have operational procedures that seek to control exposure and airborne contamination. Conclusion: the compatibility of the commercial chain and work safety must be considered for nanomaterials, that is, the dialogue between manufacturer, supplier, end user and and occupational health and safety professionals is of paramount importance for the development of safe nanotechnology.

Published

2021-09-10