Estudo retrospectivo sobre a incidência de afecções traumáticas em aves no hospital veterinário luiz quintiliano de oliveira (Araçatuba-SP)

Retrospective study on the incidence of traumatic affections in birds at luiz quintiliano de oliveira veterinary hospital (Araçatuba-SP)

Authors

  • Mauricio Peres Carneiro
  • Luciana Del Rio Pinoti
  • Jéssica Maria Sanches Sampaio

DOI:

https://doi.org/10.54020/seasv3n2-007

Keywords:

aves, trauma, radiografia, fratura

Abstract

A classe das aves está cada vez mais presente na rotina de atendimentos clínicos e cirúrgicos dos médicos veterinários, e consequentemente, nos setores de diagnóstico por imagem. Existe uma vasta variedade de espécies de vida livre adaptadas às zonas urbanas e rurais, estima-se que somente na região noroeste do estado São Paulo existam 328 espécies diferentes de aves (HASUI, E. 2012). Segundo um levantamento realizado em 2018, foi contabilizado um total de 39,8 milhões de aves como animais de estimação, sendo apenas menor que o número de cães (54,2 milhões) (INSTITUTO PET BRASIL 2018). Analisando estes dados, justifica-se a necessidade de médicos veterinários ampliarem seus conhecimentos sobre as diversas espécies da classe e suas respectivas afecções. Dentre as injúrias que as aves podem sofrer, as de origem traumática representam uma significativa parte das suspeitas e históricos clínicos, elas podem acontecer de diversas formas: ataques de outros animais, iatrogênica, membros presos na gaiola e colisões (ARNAULT, S. L. 2006).

Published

2022-05-23